segunda-feira, 31 de maio de 2010

O que faz o poeta





Para Mário Quintana


“Meus versos não me redimem

Também não me alimentam

Faço versos porque gosto de palavras

Gosto de gente e bicho

Assim, feito brincante em noites estreladas

Pego o lápis e quando vejo:

Rabisquei metáforas.”



Poema: Fátima Lima

Imagem Mário Quintana

3 comentários:

  1. Olá Fátima
    O grande Quintana, com esse mode lúdico de escrever, e tanto nos encanta. Amei.
    Um abraço

    ResponderExcluir
  2. Delicioso seu poema... de muitas imagens...

    ResponderExcluir